Os melhores apps para a volta às aulas

A dica de hoje é utilizar a tecnologia ao seu favor nos estudos e isso é possível usando o seu smartphone ou tablet. Exatamente, ele não serve só para jogar e acessar o facebook. Você pode, também, tirar proveito das suas funcionalidades para auxiliá-lo na árdua caminhada rumo ao diploma.

Abaixo selecionei e listei alguns aplicativos interessantes para este trabalho.

Simple Note

simple-noteAnotações rápidas são necessárias e o Simple Note já traz o principal atrativo no próprio nome. Simples e intuitivo, ele permite que você organize anotações por Tags e sincroniza tudo com a nuvem. Você pode logar no website do aplicativo para ver suas notas no computador, por exemplo.
Download: iOS / Android.


SimpleMind

simple-mindEscrever textos, resumos ou desenvolver artigos científicos pode ser muito difícil se não tivermos com a mente organizada. É por isso que é muito importante separarmos algumas coisas e mapearmos as ideias. O SimpleMind serve para isso: criar mapas mentais, estruturar ideias ou simplesmente criar um brainstorm.
Download: iOS / Android.


Dropbox

dropboxO Dropbox é uma maneira fácil de sincronizar arquivos entre seus dispositivos, sendo possível compartilhá-lo com as pessoas que você quiser. Você pode trabalhar em um mesmo arquivo no seu computador, tablet e smartphone, salvando as alterações cada vez que usa. É interessante para acessar seus arquivos também no computador da faculdade.
Download: iOS / Android.


Office Lens

office-lensQuem precisa de scanner em 2016? Com o Office Lens você pode escanear qualquer documento físico utilizando a câmera do smartphone. É incrível como o aplicativo funciona, digitalizando as imagens e selecionando o conteúdo importante para aumentar a qualidade do arquivo.
Download: iOS / Android.


Dicionário da Língua Portuguesa

dicionarioComo todo bom estudante você precisará escrever e de maneira correta. Com este aplicativo você tira qualquer dúvida que possa surgir sobre as palavras e regras do novo acordo ortográfico que passou a vigorar, pra valer, neste ano.
Download: iOS / Android.


Tem alguma sugestão de aplicativo que possa ajudar nos estudos? Deixe nos comentários ou envie para [email protected]

Windows 10 está instalado em 10% dos PCs do mundo

De acordo com a Net Applications, serviço de pesquisas, o último sistema operacional lançado pela Microsoft já está instalado em uma proporção aproximada de 1 em cada 10 computadores do mundo. O número real é 9,96%, um número relativamente bom para um sistema recente.

O Windows 10 foi lançado oficialmente em julho de 2015 e liberado por meio de atualização para os Windows 8 e 8.1. Posteriormente a atualização também chegou para o Windows 7.

Apesar do número razoável, o Windows 10 é o quarto colocado entre os sistemas operacionais mais utilizados no mundo. O primeiro ainda é o Windows 7, com 55,68%, seguido pelo saudoso Windows XP, que leva 10,93% da fatia e o Windows 8/8.1, presente em 13,06%.

Windows10-market-share

Esse número reflete a atitude da Microsoft de oferecer a atualização gratuita do novo sistema para usuários que já possuíam licenças genuínas dos anteriores. Vale lembrar que esta atualização gratuita vai até julho deste ano, depois desse período só será possível comprar uma nova licença para o Windows 10.

Naviator: Um drone anfíbio que dá medo

Drones são a sensação do mundo tecnológico há alguns anos, mas pare para pensar quantos dispositivos foram perdidos por falta de habilidade do condutor ou por simplesmente caírem na água. Isso acontece com mais frequência do que você imagina.

Agora imagine um futuro ideal onde exista um drone capaz de voar e nadar. Bom, ele já existe.

Estudantes e pesquisadores da Universidade Rutgers, de New Jersey, resolveram acabar com o problema de uma vez por todas e acabaram criando algo próximo do apocalipse.

Trata-se do Naviator, um drone capaz de voar como qualquer outro, porém o dispositivo é capaz também de nadar. O projeto, liderado por Javier Diez, professor do departamento de engenharia mecânica e aeroespacial da universidade, é financiado pela Marinha Americana e pode contribuir não só para fins militares, como busca e salvamento, mas também para investigações sobre vazamentos de óleo.

Diez afirma que o protótipo é funcional, mas que trabalha para encontrar uma solução para a comunicação com o dispositivo quando o mesmo estiver submerso, já que as ondas de rádio não são efetivas para tal. Por enquanto o aparelho funciona com uma conexão direta ao controlador.

Nova página do Google mostra quais informações você compartilha na rede

Que o Google coleta dados dos usuários para melhorar a experiência e direcionar os anúncios, isso não é novidade. Mas você sabe quais dos seus dados estão expostos na internet?

É por isso que a empresa criou o About Me, uma espécie de perfil onde você pode ver e controlar as suas informações que serão expostas na rede.

google-about-me

Na página você pode editar praticamente tudo, como nome, sobrenome, data de aniversário, cidade onde mora, etc. De acordo com o Google, o About Me funciona como um hub e todas as alterações feitas nele refletirão nos outros serviços da empresa, como YouTube, Google+ e Gmail.

Para acessar a página, clique aqui.

Uber deve começar a operar em Porto Alegre até dezembro

O polêmico serviço de transportes Uber deve chegar até o mês de dezembro em Porto Alegre, Rio Grande do Sul.

De acordo com o gerente-geral do Uber no Brasil, Guilherme Telles, o serviço ainda depende de alguns trâmites burocráticos, mas a empresa já começou o cadastro de motoristas interessados.

Diferente do que aconteceu em outras capitais, onde causou transtornos com taxistas e deputados querendo regulamentar o serviço, o Uber deve disponibilizar primeiramente apenas o UberX, serviço com tarifa menor e carros populares, diferente do Uber Black, serviço convencional com seus carros de luxo, que será deixado para outro momento.

Ainda não foram divulgadas maiores informações sobre tarifas e cobertura, mas motoristas interessados em trabalhar pelo serviço devem se cadastrar neste site: http://www.parceirospoa.com/

Em contrapartida o Prefeito de Porto Alegre José Fortunatti deu uma entrevista a Rádio Gaúcha onde afirmou:

Não vamos permitir que o Uber chegue em Porto Alegre fazendo o que já fez em outras cidades: entrar e operar sem um debate democrático e sem uma regulamentação. Não se pode deixar de cumprir com a lei porque novas tecnologias vão aparecendo.

Resta, agora, acompanhar o desenrolar dessa história.

O que significa “abertura de lente” das câmeras dos smartphones?

Faz tempo que os telefones celulares deixaram de realizar somente ligações. As câmeras estão presentes nestes aparelhos há mais de dez anos e a evolução destes dispositivos é notável.

Todos os anos as fabricantes lançam novos smartphones com câmeras mais poderosas, com maior capacidade de resolução, modos diferentes de captura, etc. Mas o que, de fato, determina se uma câmera é boa ou não?

A Abertura de Lente

Um dos fatores preponderantes que interfere na qualidade das imagens capturadas é a “abertura de lente” da câmera. Você já deve ter visto por aqui que, quando noticiamos um novo smartphone e relacionamos as especificações, geralmente existe um “f” seguido de um número nos detalhes da câmera. Esse “f” é a indicação da abertura de lente.

Essa abertura é o canal por onde passa a luz pela lente. Funciona proporcionalmente ao tamanho, ou seja, quanto maior a abertura, mais luz.

Ah, então é só escolher um smartphone que tenha um número grande do lado do “f”, certo? Errado. Quanto maior o número indicado nas especificações, menor a abertura. Eu sei, é confuso.

Funciona mais ou menos desta forma.

Funciona mais ou menos desta forma.

A abertura influencia diretamente em algumas funções da câmera, como a velocidade de captura, por exemplo. Quanto menor a abertura, mais tempo leva até a câmera capturar luz o suficiente para registrar. Já em uma abertura mais ampla, a quantidade de luz é maior, fazendo com que a câmera não precise esperar para registrar a foto. Isso é um ponto importante para quem gosta de fazer capturas em movimento.

Câmera iPhone

O foco também é afetado pela abertura de lente. Quanto maior a abertura, menor a área de foco. Isso resulta em imagens com profundidade mais rasas, borrando levemente o fundo do que está no foco. Quanto menor a abertura, maior a profundidade e maior a área de foco. As imagens capturadas com essas lentes tendem a borrar completamente o que não está na sua área de foco.

Exemplo de abertura

Logicamente são muitos os fatores a serem levados em consideração para uma boa fotografia, mas a abertura da lente dos smartphones faz uma boa diferença. Combinada com o hardware ideal, é possível fazer fotos excelentes. Mas não se engane, as câmeras dos smartphones ainda estão longe de serem comparadas com câmeras profissionais e só servem para você registrar momentos cotidianos.

No próximo post explicaremos a diferença dos megapixels nas suas fotos.

Moto X Force: O sucessor do Moto Maxx

A Motorola anunciou na última semana o que seria o sucessor do Moto Maxx, último topo de linha da empresa. Chamado de Moto X Force, o novo aparelho traz o desempenho já esperado pelo público e uma carcaça mais resistente.

Moto X Force

Com uma bateria parruda de 3.760 mAh, o novo Moto X Force promete autonomia de até 36 horas. As especificações técnicas são de fazer qualquer Android parecer fraco e vem com algumas novidades em relação ao antigo Moto Maxx.

moto-x-force-front

A primeira novidade é a tela de 5,4 polegadas com painel AMOLED e resolução de 2560×1440 pixels. Além de ser um pouco maior que a do Moto Maxx, a nova tela denominada ShatterShield possui cinco camadas. Isso mesmo, além do AMOLED flexível e sensor de toque, há outra camada para proteger o display contra abrasões e uma para evitar trincos. Embaixo de tudo há uma placa de alumínio para estruturar toda a função.

Possui duas versões de carcaça, uma de silicone e outra com o nylon balístico, similar ao do Moto Maxx mas com traços mais fechados. Os botões agora são exibidos diretamente na tela, diferente do que acontecia na versão anterior.

moto-x-force-back

O Moto X Force vem de fábrica com o Android 5.1, mas a Motorola já confirmou a atualização para o Android 6.0 Marshmallow. As funções de voz e tela também foram mantidas e agora é possível, também, expandir os 64GB de memória interna com um cartão microSD de até 2TB.

Também possui dual-sim e suporta conexões 4G brasileiras.

Sobre a tela: A Motorola afirma que ela não quebrará, mas caso isso aconteça, ela oferece uma garantia de até 4 anos para quebras e trincos da lente externa.

O Moto X Force começa a ser vendido oficialmente no dia 4 de novembro, mas já é possível encontrá-lo em pré-venda em diversas lojas eletrônicas. O preço, nada amigável, sugerido é de R$ 3.149 à vista.

Especificações

  • Processador: Octacore Snapdragon 810 2.0 GHZ
  • Memória RAM: 3GB
  • Armazenamento interno: 64GB (expansível para até 2TB)
  • Dimensões (A x L x E): 14,9 x 7,8 x 0,76cm
  • Peso: 169 gramas
  • Tela: 5,4 polegadas AMOLED Quad HD
  • Resolução: 2560×1440
  • Câmeras: Traseira de 21MP e frontal de 5MP
  • Slots para cartão: Dual SIM LTE 4G
  • Conectividade: Wi-Fi, Bluetooth 4.1, GPS
  • Sistema operacional: Android 5.1.1 Lollipop
  • Extras: Carregador TurboPower
  • Preços: R$ 3149 (4G/64GB)

Deezer lança podcasts no Brasil

deezer-podcast
O serviço de streaming de músicas, Deezer, anunciou na última quinta-feira (29) que disponibilizará canais de podcast no Brasil.

De acordo com o serviço, cerca de 20 mil novos programas produzidos com parceiros internacionais e nacionais estarão disponíveis juntamente com o restante do catálogo, somando mais de 40 mil programas disponíveis. Além disso, será possível criar playlists com os seus podcasts favoritos, compartilhá-los e salvar para ouvir no modo offline.

Vale lembrar que o serviço ganhou força nos Estados Unidos após a compra do Stitcher, agregador de podcasts fundado naquele país. Agora os podcasts chegam a Alemanha, Colômbia, México e Brasil.

Dentre os canais anunciados pela empresa, estão disponíveis conteúdos produzidos por parceiros como NPR, Financial Times, Panoply, WNYC, This American Life e CBS Radio News. Entre os novos parceiros estão talkSport, Bayerischer Rundfunk, France 24, The Economist, CBN, VEJA e Jovem Pan.

Se você precisava de um motivo para assinar um serviço de streaming, talvez esse seja o empurrão que faltava.

Acesse o Deezer clicando aqui.

Who’s Down: Novo aplicativo do Google para… você sabe

Sem fazer alarde algum o Google lançou um aplicativo chamado “Who’s Down” para iOS e Android. Tendo em vista o histórico de aplicativos lançados pela empresa, talvez esse não seja bem o que estávamos esperando.

Who’s Down

whosdownO Who’s Down é um aplicativo simples que permite localizar amigos que estejam disponíveis para sair, ir a um bar, fazer um lanche e até… você sabe.

O funcionamento é bem simples, você seta a sua disponibilidade e se algum dos seus amigos também estiver disponível, ele pode falar com você por um chat para ajustar os planos.

Você pode também definir a sua disponibilidade como “cinema”, “café” ou até… você sabe.

O aplicativo está em fase de testes e só pode ser acessado via convite, então você vai ter que esperar mais um pouco para… você sabe.

Who’s Down: AndroidiOS

↪ Com informações de The Next Web

Confirmado: iPhone 6S chega dia 13 de novembro ao Brasil

iphone-6S

A Apple já publicou no site oficial as informações sobre a chegada do iPhone 6S no Brasil. E como os rumores apontavam, o aparelho realmente desembarca por aqui na metade de novembro, dia 13.

Ainda não foram divulgados os preços dos modelos, mas especula-se que o modelo mais barato seja vendido pela bagatela de 4 mil reais. Abaixo você confere os preços previstos por sites especializados:

iPhone 6S:

  • 16 GB: R$ 3.999
  • 64 GB: R$ 4.299
  • 128 GB: R$ 4.599

iPhone 6S Plus:

  • 16 GB: R$ 4.299
  • 64 GB: R$ 4.599
  • 128 GB: R$ 4.899

Vale lembrar que estes preços não são oficiais, são previsões feitas por alguns sites especializados no assunto.

Sobre a nova função de “visitantes recentes” do Instagram

A internet tem sido alvo de um punhado de notícias falsas na última semana. Primeiro veio a história de que o WhatsApp avisaria quando alguém tirasse uma screenshot (ou print) da sua conversa, algo como o Snapchat faz quando alguém tira uma screenshot de um snap que você enviou. Obviamente era mentira. O atacado da vez, agora, é o Instagram.

De acordo com o site Portal Atualizado, o mesmo que publicou a notícia do WhatsApp, o Instagram receberia no próximo mês a função de “visitantes recentes”. Função similar a disponível na extinta rede social Orkut, que exibia uma lista com as 5 pessoas que mais bisbilhotavam o seu perfil.

Notícia falsa.

Notícia falsa.

Em um primeiro momento até eu fiquei eufórico com tal notícia, mas alguns segundos bastaram para desacreditar no que eu havia lido. Primeiro porque o site que publicou a nota não divulga nenhuma fonte da informação, segundo porque é o mesmo site da história do WhatsApp.

Uma rápida pesquisa nas publicações do Instagram mostram que, em nenhum momento, os desenvolvedores citam ou anunciam alguma nova funcionalidade. Nos blogs oficiais do aplicativo: também não há nada.

Então por que o site Portal Atualizado postou isso? Provavelmente para causar um burburinho e, como consequência, angariar acessos ao site. Existem muitos sites que trabalham com este tipo de hoax, já manjados por quem entende um pouco mais de tecnologia.

Infelizmente não há como rastrear quem visita o seu perfil no Instagram e qualquer aplicativo que ofereça isso pode estar mal intencionado. Então tome cuidado, procure se informar antes de instalar qualquer extensão no seu navegador ou acessar algum site que você considera suspeito.

Mais Sobre Instagram

Você pode ficar por dentro das novidades sobre o Instagram e outras redes sociais seguindo nosso perfil oficial no Twitter e curtindo a nossa página no Facebook.

YouTube Red: O plano pago do YouTube

Faz tempo que ouvimos falar que o YouTube estava trabalhando em uma nova forma de monetizar o conteúdo presente no site e ontem, 23, foi anunciado o YouTube Red.

O YouTube Red

O YouTube Red funcionará com planos de assinatura mensal, como o Netflix, por exemplo. Usuários pagarão um valor fixo para assistirem vídeos sem propagandas e salvar os vídeos que quiserem assistir depois, mesmo sem conexão
com a internet.

O serviço funcionará junto ao Play Música, bastando assinar um dos serviços para ter acesso ao outro. O preço inicial do YouTube Red é de US$ 9,99 nos Estados Unidos.

De acordo com o YouTube, criadores de conteúdo para o site já assinaram contrato para disponibilizar seus vídeos na nova plataforma mas alguns ainda apresentam resistência ao novo modelo proposto pelo site. Além dos vídeos já publicados no seu catálogo, o YouTube prometeu investir em conteúdo original produzido pelo site em colaboração com os principais canais disponíveis no site. Esses novos vídeos devem chegar no início de 2016.

O YouTube Red estará disponível nos Estados Unidos a partir do dia 28 de outubro e contará com um período de degustação por 30 dias antes de começar a cobrança.

↪ Com informações de YouTube Offical Blog.