Tag - Facebook

Extensão para navegadores permite alterar as Facebook Reactions

Na última semana o Facebook implementou as reactions, uma nova maneira de curtir postagens na rede social. Agora é possível reagir de diferentes formas em fotos, textos e vídeos, expressando o seu sentimento quanto a postagem. Para usar, basta segurar o botão de curtir no aplicativo ou posicionar o ponteiro do mouse sobre o link.

Mas se você não está satisfeito com os emojis pré-definidos pelo Facebook, saiba que você pode alterá-los por um ao seu gosto.

fb-reactions

Com esta extensão para Chrome e Firefox você pode alterar as Facebook Reactions por emojis do Pokemón, Donald Trump e até criar a sua própria coleção.

[su_button url=”https://addons.mozilla.org/en-US/firefox/addon/reaction-packs-for-facebook/” target=”blank” style=”flat” background=”#0d9002″ icon=”icon: arrow-circle-down”]Download para Firefox[/su_button] [su_button url=”https://chrome.google.com/webstore/detail/reaction-packs-for-facebo/djcfkadjljnkkbojdgocopcbdbnmpcan” target=”blank” style=”flat” background=”#0d9002″ icon=”icon: arrow-circle-down”]Download para Chrome[/su_button]

Facebook adiciona um buscador de GIF no chat

O Facebook vem fazendo intensas modificações na rede social nas últimas semanas e algumas dessas modificações são um tanto inusitadas. Como essa, disponível agora no chat da rede.

Buscador de gifs

Buscador de gifs

Se caso algum dia você quiser se expressar por meio de um gif animado, agora pode. Basta clicar no botão disponível no chat, digitar o sentimento vivido e pronto, um gif correspondente aparecerá para você enviar aos seus amigos. Sim, a busca é realmente precisa.

A novidade foi implementada sem muito alarde e está disponível para todos os usuários. No Messenger para Android e iOS a funcionalidade já existia, ou quase isso, sendo possível instalar plug-ins para fazer o serviço.

Facebook permitirá o uso de vídeos no perfil

01-Video_GIFS_Final
O Facebook anunciou esta semana que ao longo dos próximos dias disponibilizará uma série de mudanças para a rede social.

As mudanças mais importantes são para os perfis que, a partir de agora, permitirão o uso de vídeos como foto principal. Exatamente, agora é possível gravar um vídeo e colocá-lo como imagem principal da sua conta, como mostra o vídeo abaixo.

Além disso, o Facebook também permitirá usar fotos temporárias no perfil. Você seleciona a foto e decide quanto tempo ela ficará como imagem principal, voltando a anterior assim que o tempo determinado acabe. Essa função pode ser útil para indicar quando você estiver de férias ou apoiar alguma causa específica, como tem acontecido ultimamente.

Modo de foto temporária

Modo de foto temporária

O design da página de perfil também foi aprimorado, centralizando a imagem e exibindo mais informações do que a versão anterior. Também foi anunciadas melhorias do controle de perfil, como um novo espaço personalizável na parte superior dos perfis móveis, onde é possível selecionar o que se quer mostrar para as pessoas, sempre controlando a privacidade escolhendo quem poderá ver aquilo.

As novidades estão sendo testadas com alguns usuários no Reino Unido e Califórnia, devendo chegar em breve aos demais usuários.

Moments: Novo aplicativo de fotos do Facebook

Reconhecimento facial não é uma tecnologia nova, mas atingiu um patamar surpreendente de funcionalidade nos últimos dias. Baseado nela, o Facebook anunciou o aplicativo Moments.

O funcionamento é básico: o aplicativo faz uma varredura na biblioteca de imagens e, com o reconhecimento facial, relaciona as fotos de acordo com seus amigos. Caso seu amigo possua o aplicativo, a foto vai direto para a coleção dele. Caso ele não possua, uma mensagem com um link para download do aplicativo é enviada pelo messenger.

A premissa do serviço é facilitar o compartilhamento das fotos com seus amigos. Muitas vezes tiramos fotos que nunca viram a luz do dia, ficam esquecidas nos álbuns do smartphone ou no backup na nuvem. São essas fotos que devem ser compartilhadas com seus amigos, caso eles apareçam nelas.

moments1

As coleções são baseadas na data em que as fotos foram tiradas, local ou por pessoas que aparecem na foto. Tudo organizado.

O aplicativo está disponível para Android e iOS, mas o serviço ainda não chegou ao Brasil. Ainda não há informações de quando ele será lançado oficialmente por aqui, mas de acordo com o Facebook “o time está trabalhando para disponibilizá-lo o quanto antes em outros países”.

↪ Com informações de: The Verge

Claro volta a oferecer acesso “livre” a redes sociais


A Claro foi uma das primeiras operadoras a oferecer acesso grátis ao Twitter e Facebook, de forma promocional. Porém com a reestruturação dos planos, essa promoção acabou se perdendo e foi removida pela empresa.

Agora, numa forma de reconquistar os usuários compulsivos das redes sociais, a Claro está oferecendo acesso “livre” ao Twitter, Facebook e WhatsApp.

Mas pera lá, por quê essas aspas no livre?

Como anteriormente, essas redes sociais não descontarão da franquia de dados principal do usuário. Para isso, a empresa está oferecendo um plus de acordo com a conexão do usuário. Então não é bem livre, não.

Exemplo: usuários dos planos pré-pago que utilizam os pacotes diários de dados de 10, 15 ou 30 MB terão mais 50 MB para acessar essas redes sociais. Ao atingir os 50 MB, aí sim começam a descontar os dados do pacote diário. Usuários que possuem pacotes de dados mensais de 300 e 600 MB terão um adicional de 500 MB para acessar as redes sociais listadas. A novidade faz parte do pacote “Internet Turbinada”, lançado pela operadora em abril.

A promoção é válida para os planos pré-pago, controle e Claro online Max. De acordo com o regulamento, “os demais planos pós-pagos não são elegíveis. Se quiser usufruir da oferta, o cliente deverá migrar para o Claro online Max”.

Vale lembrar que existem limitações no uso. No WhatsApp, por exemplo, o bônus serve para o envio e recebimento de mensagens, fotos, vídeos ou áudio. As chamadas de voz realizadas pelo aplicativo utilizam os dados da franquia principal do cliente.

Novos clientes já são inclusos na promoção, os antigos precisam assiná-lo pelo canal *1052#.

Facebook anuncia versão “light” do app para Android

fb-light-android
Que o aplicativo para Android do Facebook inflou nos últimos tempos, isso não é novidade. O aplicativo, antes apenas um porte da versão web, tornou-se um emaranhado de quase 240MB no aparelho, somando os dados do usuário e o cache gerado pelo app.

Porém, hoje, o Facebook anunciou o Facebook Lite. Um novo aplicativo para a rede social que promete ser bem mais leve. Projetado para mercados emergentes, o Facebook Lite tem um instalador de menos de 1MB e promete carregar e atualizar rapidamente em regiões onde a conexão é lenta ou limitada.

Além de salvar a banda de internet, o novo aplicativo deve beneficiar quem possui um smartphone de entrada com pouca memória interna.

O Facebook Lite possui as funções comuns da rede social como news feed, fotos e notificações. O aplicativo está disponível a partir de hoje na Asia e deve chegar na América Latina, África e Europa nas próximas semanas.

Com informações de Facebook

Facebook anuncia versão web do messenger

facebook-messengerO Facebook anunciou ontem (8) que, em breve, você poderá utilizar o messenger da rede social separadamente. A novidade visa a utilização do serviço sem as distrações do seu feed de notícias, tentando proporcionar maior produtividade sem que você fique incomunicável com os seus colegas. Convenhamos que trabalhar e ficar usando o smartphone a cada dois minutos para falar com alguém é meio chato.

O novo Messenger Web tem praticamente a mesma aparência dos aplicativos já conhecidos nos smartphones e tablets e ficará disponível no endereço messenger.com. No Messenger Web também é possível enviar fotos, arquivos e até aqueles stickers horrorosos para os seus amigos. Para utilizá-lo, basta logar com a sua conta do Facebook.

O Facebook afirma que não removerá o chat da rede social e está apenas dando uma alternativa para quem usa a ferramenta mais como um meio de comunicação.

Só faltou um aplicativo para desktop, né?

[Atualização] O serviço já está disponível, caso os campos de login e senha não estejam aparecendo para você, basta acessar este link: https://messenger.com/login.

Versão “empresarial” do Facebook deve chegar em janeiro de 2015

face

O Facebook deve ganhar uma versão voltada para empresas em breve. O “Facebook at Work”, como é chamado inicialmente, será um conjunto de ferramentas com serviços específicos para suprir necessidades administrativas. O serviço chega para competir diretamente com a Microsoft e seu pacote Office Online.

Segundo informações já divulgadas, com o serviço será possível executar tarefas como compartilhamento de arquivos de textos, planilhas e edição simultânea de documentos. Informações apontam que a interface deve ser parecida com a do Facebook tradicional.

A princípio não haverá taxa de inscrição a ser cobrada pela empresa de Zuckerberg, mas estima-se que o produto deva ser comercializado.

Como dito anteriormente, o principal concorrente do novo serviço é a Microsoft que, recentemente, integrou o Skype ao serviço de meeting empresarial Lync, possibilitando melhorias no serviço disponível no Office. Vale lembrar que a Microsoft ainda domina este mercado e não será tarefa fácil do Facebook competir nele.

Rumores apontam que o Facebook at Work está em fase final de testes com empresas selecionadas nos Estados Unidos e, de acordo com reportagem do The Wall Street Journal, deve ser lançado logo no início de 2015.

Com informações de The Next Web.

Facebook lança aplicativo para gerenciar grupos

facebook-groups

Os grupos do Facebook têm se tornado muito populares nos últimos meses, é uma ferramenta útil que permite a interação de usuários sobre um assunto em comum (ou não). Acompanhando esse crescimento, o Facebook resolveu lançar um aplicativo específico para gerenciar e exibir somente as atualizações dos grupos que você participa.

Com o aplicativo é possível criar grupos, alterar suas informações, receber notificações e descobrir novos grupos do seu interesse, ou seja, tudo o que o aplicativo principal do Facebook deveria fazer.

O aplicativo já está disponível para iOS e Android. (Caso você se interesse.)

Google+ adiciona contador de visualizações em Páginas e Perfis

google+count-views
O Google fez hoje uma pequena atualização bem interessante em sua rede social, o Google+. Agora todos os perfis e páginas corporativas exibirão um contador de visualizações ao lado do número de seguidores. O número exibido é a soma total de visualizações da página, das postagens e das fotos desde outubro de 2012.

google-count-viewA surpresa é grande quando você vê a quantidade de pessoas que viram o seu conteúdo. Seria essa uma resposta ao Facebook? Como muitos sabem, a rede de Mark Zuckerberg, em mais uma empreitada para faturar, limitou o alcance orgânico do conteúdo postado no site e passou a cobrar como anúncio para que esse conteúdo seja entregue aos usuários. Essa atitude gerou muito estresse para sites que tinham páginas do Facebook como principal fonte de tráfego, reduzindo em 80% as visualizações de página.

Outra novidade tímida no Google+ é a integração do Analytics, serviço para análise de visitas em websites da própria empresa, com as páginas da rede social. Agora quando um administrador de uma página acessar o seu painel de controle, verá no canto direito superior uma caixa com um resumo das visitas obtidas no site, caso a página tenha um site conectado à ela.

Fonte: TechCrunch

Facebook Messenger para iPhone agora permite grupos

facebook-messenger-app-iphone
Como muitos sabem, o Facebook comprou o Whatsapp, aplicativo de mensagens instantâneas para smartphones. Porém, isso não parece ser o suficiente para a empresa parar de investir esforços para melhorar o Facebook Messenger, aplicativo similar ao Whatsapp, só que utilizando a sua conta do Facebook.

Uma das novidades é que agora é possível criar chat em grupos, funcionalidade presente no Whatsapp há algum tempo. A outra novidade é a possibilidade de encaminhar mensagens de um chat para o outro, incluindo fotos e vídeos, como é possível no Whatsapp simplesmente segurando o dedo em cima da mensagem.

No entanto, estas duas funcionalidades só estão disponíveis para iOS (iPhone) e não há previsão de quando chegarão ao Android.

Para baixar o Facebook Messenger, clique aqui.

Hack: A linguagem de programação criada pelo Facebook

Na busca constante em aprimorar os seus serviços, o Facebook anunciou na última semana a “Hack”, sua linguagem de programação.
hack-linguagem-de-programacao-facebook
Segundo a empresa, que vem trabalhando com a linguagem há um ano, a intenção é unir os benefícios da já conhecida linguagem C, com a rapidez do desenvolvimento no PHP. De acordo com o anúncio, postado no Engineering Blog do Facebook, a motivação é criar uma própria forma de identificar possíveis erros no código, diferente do que acontece na linguagem C, que aponta o erro antes e no PHP, que aponta o erro depois de executar o programa.

A busca pelo meio termo na identificação dos erros gera um menor tempo de desenvolvimento, já que nas linguagens dinâmicas o desenvolvimento é rápido, porém a identificação dos erros é demorada e, nas linguagens tradicionais, acontece o oposto.

O pacote de desenvolvimento para a nova linguagem já está disponível e pode ser encontrado neste site: http://hacklang.org/. Nele você vai encontrar o guia para instalação e alguns tutoriais para se familiarizar com a nova ferramenta.